Possível sinal de vida em Marte? NASA faz descoberta intrigante

Imagem
Desde seu pouso em Marte, o  jipe-sonda Curiosity  da NASA vem acumulando novas descobertas interessantes. Mas sua descoberta mais nova pode acabar sendo o santo graal das descobertas planetárias. O jipe-sonda Curiosity da NASA perfurou um buraco na Cratera Gale de Marte, e o pó desse buraco estava enriquecido em carbono-12. NASA/Caltech-JPL/MSSS. O robô do tamanho de um carro detectou recentemente uma assinatura de carbono em amostras de rochas da superfície de Marte. Essa mesma assinatura está associada a processos biológicos na Terra e pode indicar que há alguma forma de vida no Planeta Vermelho. Mas antes de chamar isso de assinatura da vida, os cientistas estão tentando entender o que mais pode estar por trás do carbono em Marte. Evidências crescentes sugerem que Marte pode ter sido habitável em algum momento de seu passado, com água em sua superfície e temperaturas mais quentes. Os resultados foram detalhados em  um estudo  publicado terça-feira no   Proceedings of the National A

PESQUISADORES ENCONTRAM DINOSSAURO SENTADOS EM CIMA DE UM NINHO DE OVOS CONTENDO BEBÊS FOSSILIZADOS

 imagem do artigo


Pela primeira vez, os arqueólogos desenterraram os restos fossilizados de um dinossauro que morreu enquanto estava sentado em cima de um ninho de ovos quase chocados. A descoberta notável foi supostamente feita por uma equipe de pesquisadores que estudam uma camada de 70 milhões de anos de rocha localizada na cidade de Ganzhou. Para sua profunda surpresa, o pedaço da Terra antiga incluía o que se acredita ser um dinossauro semelhante a um pássaro, conhecido como oviraptorídeo, agachado sobre um aglomerado de aproximadamente 24 ovos, alguns dos quais possuem embriões fossilizados dentro deles.


IMAGEM


Observando o significado da descoberta, o membro da equipe Dr. Shundong Bi se maravilhou de que "esta é a primeira vez que um dinossauro não-aviário foi encontrado, sentado em um ninho de ovos que preservam embriões, em um único espécime espetacular." Com base no estado dos oviraptorídeos não eclodidos, os pesquisadores acreditam que eles provavelmente estavam em um estágio avançado de desenvolvimento e que, no momento em que o grupo morreu, o dinossauro pai provavelmente os estava incubando de maneira semelhante aos pássaros modernos. Essa teoria foi reforçada por testes de isótopos de oxigênio, que descobriram que os ovos eram mantidos em alta temperatura.


Este recém-descoberto dinossauro se parece com um casuar - Gizmodo Brasil


A descoberta incrivelmente rara é de particular interesse para os cientistas porque, ao contrário da vasta maioria das descobertas de dinossauros, mostra o que eles descrevem como "comportamento fossilizado" que fornece uma visão sobre o que o oviraptorídeo estava fazendo no momento de sua morte. Para esse fim, o membro da equipe Dr. Lamanna observou que "este dinossauro foi um pai atencioso que no final das contas deu sua vida enquanto criava seus filhotes." Como se o espécime não fosse significativo o suficiente, os arqueólogos indicaram que também encontraram seixos no abdômen da criatura adulta que provavelmente foram engolidos para ajudar na digestão. As pequenas pedras, conhecidas como gastrólitos, nunca haviam sido definitivamente encontradas nos restos desse tipo de dinossauro


(Fonte)

VISITE NOSSAS PÁGINAS,REDES SOCIAIS E NO YOU TUBE ACESSE O LINK --> bit.ly/FronteiraX


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Reptiliano na TV nacional? A "transformação" ao vivo de um general

O Denunciante Phil Schneider É Encontrado Morto Após Revelar A Agenda Alienígena