Postagens

Mostrando postagens que correspondem à pesquisa por OVNIs

Possível sinal de vida em Marte? NASA faz descoberta intrigante

Imagem
Desde seu pouso em Marte, o  jipe-sonda Curiosity  da NASA vem acumulando novas descobertas interessantes. Mas sua descoberta mais nova pode acabar sendo o santo graal das descobertas planetárias. O jipe-sonda Curiosity da NASA perfurou um buraco na Cratera Gale de Marte, e o pó desse buraco estava enriquecido em carbono-12. NASA/Caltech-JPL/MSSS. O robô do tamanho de um carro detectou recentemente uma assinatura de carbono em amostras de rochas da superfície de Marte. Essa mesma assinatura está associada a processos biológicos na Terra e pode indicar que há alguma forma de vida no Planeta Vermelho. Mas antes de chamar isso de assinatura da vida, os cientistas estão tentando entender o que mais pode estar por trás do carbono em Marte. Evidências crescentes sugerem que Marte pode ter sido habitável em algum momento de seu passado, com água em sua superfície e temperaturas mais quentes. Os resultados foram detalhados em  um estudo  publicado terça-feira no   Proceedings of the National A

OVNIs/armas nucleares: Por que o governo dos EUA está escondendo o que sabe?

Imagem
  Robert Hastings em palestra a respeito da interferência dos OVNIs com os armamentos nucleares dos EUA. O  relatório recente  de objetos voadores não identificados do governo dos EUA não tem precedentes. Ele reconhece, pela primeira vez, que alguns OVNIs (ou o que o governo dos EUA chama de ‘Fenômenos Aéreos Não Identificados’) parecem ser naves ultra-avançadas reais de origem desconhecida. Voltando 70 anos, virtualmente todas as declarações dos militares dos EUA rejeitaram o fenômeno como objetos conhecidos identificados incorretamente, como balões meteorológicos, ilusões de ótica ou boatos. Simplificando, o novo relatório é um grande afastamento da política anterior de negação e ofuscação. Mas essa franqueza só vai até certo ponto. O relatório ignora completamente o elefante na sala: Centenas de relatórios de veteranos militares, a maioria dos quais eu mesmo entrevistei, envolvem atividade de OVNIs em locais de armas nucleares, incluindo a misteriosa desativação de nossos mísseis ba

É hora de levar os OVNIs a sério!

Imagem
De todo o drama político do ano, o mais surpreendente pode ser as ações do governo dos EUA sobre fenômenos aéreos não identificados, mais conhecidos como OVNIs. O ato de abertura veio em junho, quando o Pentágono e o diretor de inteligência nacional entregaram   um relatório surpreendente  ao Congresso abordando os OVNIs. A maioria desses fenômenos acaba tendo explicações prosaicas – como balões meteorológicos, detritos espaciais e efeitos atmosféricos no céu – com uma pequena porcentagem exibindo características de voo incomuns que sugerem tecnologia avançada. O relatório de junho, no entanto, descobriu o oposto: ele podia explicar apenas um dos 144 avistamentos de OVNIs entre 2004 e 2021 que examinou, incluindo 80 observados com vários sensores, como radar militar de alta tecnologia e câmeras infravermelhas montadas em aviões de guerra. Veja, por exemplo, um dos avistamentos mais memoráveis, captado por uma câmera infravermelha em 2004. Os pilotos da marinha voando a partir do USS Ni

O Pentágono tem destroços de OVNIs? O Inspetor Geral de Defesa irá investigar

Imagem
  Em abril deste ano , as manchetes foram feitas em todo o mundo com a resposta surpreendente a um pedido da Lei de Liberdade de Informação (de sigla em inglês, FOIA ) feito por este autor à Agência de Inteligência de Defesa (DIA) buscando os resultados dos testes de destroços de OVNIs recuperados pelo governo dos Estados Unidos. A resposta ao pedido (recebido após a passagem de mais de três anos) incluiu mais de 150 páginas de documentos altamente técnicos relacionados a notáveis ​​materiais futuristas que podem promover a invisibilidade, comprimir a energia eletromagnética e até alterar a velocidade da luz. Incrivelmente, alguns dos relatórios estavam relacionados ao Nitinol, uma liga de recuperação de forma muito parecida com o famoso “metal com memória” encontrado no acidente de OVNI em Roswell em 1947. Assim que a resposta à FOIA foi tornada pública, a porta-voz do Pentágono,  Susan Gough , emitiu uma breve declaração de que ela estava “ciente da conversa da rede social” sobre a r

OVNIs e gerenciamento de assinaturas: como o colossal “Satélite Número 3” permanece invisível

Imagem
“Gerenciamento de assinaturas” é uma frase com a qual a maioria das pessoas não está familiarizada. Eu só me interessei por isso ao ler o relatório do governo dos Estados Unidos sobre OVNIs divulgado pelo Diretor de Inteligência Nacional em junho deste ano. De acordo com o relatório, os OVNIs parecem usar  gerenciamento de assinatura . O que é gerenciamento de assinatura? Todos nós emitimos o que poderia ser descrito como assinaturas ou pistas da nossa presença. Em um cenário militar, essas assinaturas podem revelar a presença de soldados ou equipamentos em uma situação de conflito, portanto, ocultá-los ou minimizá-los pode ser uma vantagem estratégica – daí, o gerenciamento de assinaturas. Um exemplo simples de gerenciamento de assinatura pode ser roupas de camuflagem que escondem alguém ou tornam mais difícil para a pessoa ser vista. O que o gerenciamento de assinaturas tem a ver com OVNIs? A menção de gerenciamento de assinatura  no relatório OVNI   é uma admissão bastante important

Interesse da Rússia pelos OVNIs é mostrado em documentos

Imagem
                      Os americanos estão aprendendo mais a cada semana sobre as investigações secretas do Pentágono sobre o mistério dos OVNIs, mas e quanto a outras potências mundiais, como a Rússia? Nos anos 90, o repórter do  Mystery Wire ,  George Knapp  fez duas viagens para descobrir fatos na ex-URSS. Como nos EUA, os militares russos passaram décadas minimizando e descartando o mistério dos OVNIs. Cidadãos foram  privados e  desencorajados a discutir abertamente sobre discos voadores, mas nos bastidores, o Ministério da Defesa russo conduziu o que pode ser o maior estudo governamental sobre OVNIs na história mundial. Uma ordem foi dada pelo Ministério da Defesa que todo incidente de OVNI deve ser totalmente investigado. Milhares de casos ocorreram em mais de dez anos, incluindo vídeos e fotografias. Uma imagem extraída de vídeo mostra um objeto avistado sobre a Rússia na década de 1970. Em 1993 e novamente em 1996, Knapp viajou para a Rússia, se reuniu com ex-oficiais de defesa